CPF na nota?

Por Vanessa Henriques

Posso estar rabugenta demais — ou simpática demais, não sei — mas algo tem chamado minha atenção pelos cantos do mundo. Há meses me dei conta de que os atendimentos fantasma são cada vez mais comum. Aliás, graças ao “nota-fiscal-paulista?” eles são não a maioria, mas estão chegando lá.

Pare e pense, querido leitor: quantas vezes nesta semana você completou uma transação sem trocar uma só palavra com o atendente? Pode ter sido na padaria, no supermercado, no restaurante ou talvez na banca de jornal. Se você não reparou, pois repare a partir de agora.

Comecei a atentar para isso já faz um tempo, e cada vez que penso nisso me entristece ver como há, de um lado, o desprezo daqueles que pagam por uma mercadoria ou serviço, que não tiram os olhos do celular e respondem com sons guturais aos questionamentos sobre a forma de pagamento. E de outro o atendente, cansado pelas horas puxadas de trabalho e pela quantidade de bons dia não respondidos.

É triste, pois chegamos novamente à conclusão do novo século (já não tão novo assim): que o elemento humano pode ser dispensável. Não estranharia se substituíssem os atendentes por máquinas, como já acontece em bilheterias de cinema e nas padarias, onde uma máquina grosseira, aliada a uma antipática catraca, cospe a comanda usada para anotar os itens consumidos.CPF

O trabalho muitas vezes desvalorizado desses funcionários se alia ao mau humor da grande metrópole. “Mais amor, por favor” dizem as pichações. Ainda haveria amor por essas bandas, onde dizer ‘bom dia’ e ‘obrigado’ virou raridade?

Não sei, não sou eu quem vai saber responder essa pergunta. Vou continuar cumprimentando a todos, na esperança de ganhar uma resposta, ou ao menos aliviar uma jornada de trabalho que inclui só ‘crédito ou débito?’.

 

Anúncios

4 thoughts on “CPF na nota?

  1. …sim Vanessa, faça sua parte…Não é você que está rabugenta, é o mundo, e o sistema no qual estamos metidos e tudo mais. Acho que está faltando um ‘profeta gentileza’ na nossa época, você não acha? Que falta ele faz… bjs!

  2. Estou tentando, Vanessa. Tenho prestado mais atenção a quem me atende, e isso aconteceu porque um dia reclamei que a atendente não havia sido gentil comigo. Depois me perguntei por que “ela” deveria ser e por que não eu? Então, passei a “distribuir mais gentilezas”. E é interessante que essa gentileza quase sempre volta…com nota fiscal paulista ou não! rs

  3. O melhor é quando eu chego no caixa do Pão de Açúcar e falo: “Bom dia. Não, não sou Cliente Mais e nem quero nota paulista”. As mocinhas ficam desnorteadas – teve uma até que ficou MUITO brava! hehehe

  4. […] a primeira, passando por algumas como Candidata perfeita, O que você vai ser?, Nó cego, Vontades, CPF na nota? e Palco, além da ótima Fiat tenebris, mas vou eleger a Fechado para balanço, é a mais bonita na […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s